2 comentários:
De Um outro lugar para sonhar. a 14 de Fevereiro de 2008 às 04:15
.....


O meu coração poeta está cravado de puro fogo das tuas palavras.
Elas existem no meu colo no meu peito e se esparramam feito lavas...e tudo fica lindo mais ainda quando te faço caminhar pelo céu que faz livre.

(Um dia roubo-te da vida só p´ra mim...)

(a)braços meu poeta :)

De Anónimo a 3 de Março de 2008 às 19:04
...como gostava de sentir esse teu afago!...

Comentar post